Talibã pode estar executando sumariamente cristãos no Afeganistão

De acordo com a ONU, cristãos, mulheres em cargos públicos e opositores estariam sendo executados pelo grupo islâmico

(Foto: Divulgação)

A alta-comissária da Organização das Nações Unidas (ONU) para os Direitos Humanos, Michelle Bachelet, confirmou nessa terça-feira (24) que o grupo conhecido como Talibã estaria realizando execuções no Afeganistão.

De acordo com as informações, o grupo radical islâmico estaria realizando as execuções sumárias de civis e de membros das forças de segurança que entregaram suas armas.

Outros grupos como cristãos, mulheres em cargos públicos e opositores políticos também estariam sendo perseguidos pelo Talibã.

Momento crítico

Ainda segundo a comissária, o momento é crítico, porém a Organização das Nações Unidas já estaria “tomando medidas” para monitorar a situação no Afeganistão.

“Nesse momento crítico, exorto o Conselho de Direitos Humanos a tomar medidas ousadas e vigorosas, proporcionais à gravidade dessa crise, estabelecendo um mecanismo para monitorar a situação no Afeganistão.”

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSuspeita contra CPI
Próximo artigoCovid: MP quer que comércio exija comprovante de vacina dos funcionários