Smartphones milionários

Justiça dá prazo de três dias ao Ministério Público para apresentar defesa de compra de celulares de última geração

O procurador-geral de Justiça José Antônio Borges deverá se manifestar em 72 horas a respeito da polêmica pretensão do Ministério Público Estadual (MPE) de Mato Grosso, de gastar R$ 2,2 milhões em 400 smarphones do tipo Iphone Pro e Samsung Galaxy de última geração, para distribuir entre os promotores.

A decisão foi dada na quarta-feira (20) pelo juiz da Vara Especializada em Ação Civil Pública e Popular, Bruno D’ Oliveira Marques.

Uma ação popular ajuizada por um advogado paulista tenta impedir a compra do MPE sob o argumento de prejuízo aos cofres públicos.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPazuello fica
Próximo artigoEmpréstimo de R$ 120 milhões