Sete em cada 10 magistrados têm salários acima do teto de R$ 39,2 mil

E uma situação semelhante acontece na advocacia pública e na Receita Federal, segundo levantamento de frente parlamentar

(Foto: Reprodução/Redes Sociais)

No Brasil, sete em cada 10 magistrados ganham acima do teto de R$ 39,2 mil no serviço público federal. Os dados foram apresentados nesta quarta-feira (25) pelo presidente da Frente Parlamentar da Reforma Administrativa, deputado Tiago Mitraud (Novo).

O estudo busca  analisar os efeitos dos chamados “supersalários”, pagos à elite do funcionalismo público por meio de verbas extras, que driblam o limite constitucional.

A pesquisa foi realizada com base em 200 mil contracheques e mostra que 17% dos salários na advocacia pública e 6% das folhas na Receita Federal também superam o teto constitucional no Brasil.

Pelo Twitter, o deputado Tiago Mitraud afirmou que é necessário combater os supersalários no Brasil. Para ele, só assim a Constituição terá validade para todos os brasileiros.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDamares se emociona ao lembrar do assassinato do menino Rhuan Maycon
Próximo artigoTCE deixa processo prescrever e José Riva “ganha” pensão vitalícia de R$ 25 mil