Sesc Pantanal vence prêmio nacional ‘Top Sustentabilidade’

Premiação destaca iniciativas de sustentabilidade no setor turístico brasileiro

Com forte atuação voltada à sustentabilidade e conservação ambiental, o Sesc Pantanal, por meio do Hotel Sesc Porto Cercado, em Poconé  (145 km de Cuiabá), venceu o prêmio Braztoa, na categoria Resort.

O prêmio foi criado em 2012 pela Associação Brasileira das Operadoras de Turismo, uma das entidades mais representativas do setor do turismo no Brasil e que destaca iniciativas de gestão sustentável e ações de conservação do meio ambiente.

Além de vencer na categoria Resort, o Sesc Pantanal ainda levou para casa o troféu Top Sustentabilidade, que premia a iniciativa com maior pontuação dentre todas as categorias.

A superintendente do Sesc Pantanal, Christiane Caetano, disse que a premiação é o reconhecimento pelo trabalho desenvolvido no pantanal pelo Sesc. “O Hotel Sesc Porto Cercado desenvolve uma série de atividades de educação ambiental, passeios e recreações com os hóspedes, com o intuito de promover o  contato com a natureza e a cultura pantaneira, e sempre com o olhar de conservação do meio ambiente”.

O prêmio Braztoa teve 145 iniciativas de todas as regiões do Brasil cadastradas. Destas, 75 foram selecionadas e, entre esse grupo, saíram três finalistas em cada categoria, sendo elas: Agências de Viagens, Associados, Meios de Hospedagem, Resorts, Parceiros do Turismo e Projetos Inovadores.

O júri especializado foi formado pelas principais instituições relacionadas ao turismo sustentável, como ONU Meio Ambiente, ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), EcoBrasil e Ministério do Turismo.

Magda Nassar – Presidente da Braztoa (centro); Mayara Rodrigues – Chefe do setor de planejamento e orçamento do Sesc Pantanal (à dir.) e Christiane Caetano – Superintendente do Sesc Pantanal (à esq.)

Além de destacarem as diversas ações implementadas pelo Hotel Sesc Porto Cercado à conservação do meio ambiente como espaços de educação ambiental e tratamento de todo resíduo produzido na unidade, o júri do prêmio Braztoa também levou em conta a forma sustentável do consumo de energia elétrica empregada no Hotel.

Na unidade, parte da energia consumida provém de uma usina fotovoltaica, que conta com 1.240 placas. Juntas tem capacidade instalada de 300 kW/h e produção mensal de 49.500 kW/h, o que equivale ao consumo de 309 famílias de até quatro pessoas no decorrer de um mês. O projeto inovador no pantanal é exemplo de turismo sustentável, já que cerca de 60% de toda energia consumida no Hotel advém de energia limpa.

Paulo Proença, gerente do Hotel Sesc Porto Cercado comemora. “Trabalhamos para que as pessoas saiam daqui sensibilizadas e com outra perspectiva sobre a natureza, por isso, essa vitória no prêmio Braztoa é uma honra  para todos nós funcionários do Sesc Pantanal. Através do empenho e dedicação de toda a equipe, conseguimos esse reconhecimento sobre o trabalho que desenvolvemos com vistas à promoção do turismo responsável voltado aos aspectos sociais e ambientais”.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorTheatro Fúria e Lucas Koester realizam ensaio aberto de novas criações no Espaço Mosaico
Próximo artigoSelma Arruda articula para assumir a presidência do PSL em Mato Grosso