Servidores do Estado ameaçam entrar em greve se governo não pagar a RGA

Se Estado não pagar RGA até dia 10, servidores devem realizar assembleia geral dia 13

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Os servidores públicos do Estado ameaçam entrar em greve caso o salário deste mês não seja pago com a Revisão Geral Anual (RGA). O anúncio foi realizado pelo Fórum Sindical na tarde desta segunda-feira (5), durante coletiva à imprensa.

Os sindicalistas também anunciaram que está pré-agendada para o dia 13 uma assembleia geral para decidir se entram ou não em greve caso não ocorra o pagamento da RGA, ou até mesmo se houver atraso de salário.

A ameaça da paralisação se dá pelos rumores de que o Governo do Estado não teria dinheiro em caixa para efetuar o pagamento da Revisão Geral Anual referente a 2018.

[related_news ids=”114287″][/related_news]

De acordo com os sindicalistas, a Recomposição representa R$ 15 milhões aos cofres públicos. Eles ainda afirmam que o Governo do Estado havia garantido que a RGA deste ano estava garantida.

O Fórum Sindical afirma que um oficio da Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz) foi encaminhado ao Tribunal de Contas do Estado (TCE) pedindo a prorrogação de 10 dias para que o pleno da Corte chegue a um parecer sobre o pagamento da RGA.

O Tribunal de Contas já havia se manifestado, sem o mérito, contrariamente ao pagamento da Recomposição Geral Anual. A Corte alegou que o pagamento violaria o limite da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorRodado de caminhão se solta e atinge viatura dos bombeiros e motociclista
Próximo artigoConcurso público: MT tem mais de duas mil vagas; salários chegam a R$ 18 mil

O LIVRE ADS