|Terça-feira, 22 Janeiro 2019
( Edu Andrade/Ascom/Ministério do Trabalho/Direitos Reservados)

Servidores dão abraço simbólico no prédio do Ministério do Trabalho

Manifestação é reação coletiva a anúncio de extinção da pasta

COMPARTILHECOMPARTILHE

Servidores do Ministério do Trabalho fizeram hoje (8) um abraço simbólico ao redor do edifício principal na Esplanada dos Ministérios. Foi uma reação coletiva ao anúncio do presidente eleito, Jair Bolsonaro, de extinguir a pasta e desmembrá-la em pelo menos três áreas – Educação, Economia e uma terceira a ser definida.

O setor de Recursos Humanos do Ministério do Trabalho informou que cerca de 600 funcionários participaram do abraço coletivo no esforço de mostrar para a sociedade a relevância da pasta. A manifestação durou pouco mais de meia hora, mas houve tempo o suficiente para ocupar algumas pistas do Eixo Monumental, via localizada na área central de Brasília, e provocar lentidão no trânsito. Em seguida, as pistas foram liberadas.

O auditor fiscal do trabalho Antônio Alves Mendonça Júnior, funcionário do Ministério do Trabalho, ressaltou que a pasta tem funções específicas e que extingui-la pode levar a um desequilíbrio nas atividades desempenhadas hoje.

“O ministério é a casa da fiscalização do trabalho, instrumento pelo qual se combate o trabalho infantil e se garante a saúde e a segurança do trabalhador. O órgão é essencial para equilibrar essa balança, que é desequilibrada por natureza. O Ministério do Trabalho é fundamental para garantir os direitos dos trabalhadores.”

A servidora Maria Aparecida Fernandes Araújo também fez questão de participar do ato. “O Ministério não tem que ser extinto, mas, sim, crescer com o país”, disse a funcionária pública, que há 24 anos está no Ministério do Trabalho. No ministério há 40 anos, a servidora Maria das Graças de Sousa disse que testemunhou “o desenvolvimento econômico e social do país”.

 

Deixe um comentário

Please enter your name here
Please enter your comment!

LINKS PATROCINADOS

DESTAQUES

Bairro Cuiabá História Municípios Policia
Advogada ajuda e família consegue descarte de feto; laboratório doou o serviço
Estudantes de Várzea Grande devem fazer o recadastramento para uso do cartão escolar
Homem agride esposa por causa de torneira aberta, tem convulsão na viatura e ameaça policiais
Assembléia Legislativa Câmara Municipal Eleições 2018 Governo Judiciário Partidos Prefeitura
Mesmo com plenário invadido, deputados votam projetos nesta terça
Facão no Estado: governador exonera 96 comissionados, mas nomeia 93; veja listas
Janaina é recebida aos gritos de “governadora” e tenta marcar reunião
Agricultura Agropecuária Economia Agrícola Indicadores Agrícolas Pecuária Tecnologia Agrícola
Nelore MT afirma que o setor pecuário não suporta novas taxações
Gosta de uva? Governo reajustou preço mínimo da fruta em 11,96%
Exportações do agro em alta de quase 6% ultrapassam US$ 100 bi
Artes Cênicas Artes Plásticas Artesanato Cinema Comportamento Cultura Popular Gastronomia LIteratura Música
Hermanoteu na Terra de Godah vai virar filme e estreia em dezembro
Marvel permite que paciente terminal assista novo filme dos Vingadores antes da estréia
Atriz de Bebel de A Grande Família afirma que série brasileira é melhor que Friends
Corrupção Economia Eleições Estados Política
BNDES aprova programa de financiamento coletivo para área da cultura
Linhão de Belo Monte volta a funcionar
Promotores ouvem João de Deus pela terceira vez
Concurso Dicas Estágio Vagas de Emprego no Mato Grosso
Sine oferece mais de 1.177 oportunidades de trabalho em MT
Em busca de novas oportunidades? Confira 14 concursos públicos abertos
Topa encarar desafios e busca oportunidade de emprego? Tem vaga na Stone Cuiabá
X