“Será um fascista como é todo comunista”, diz Luiz Philippe de Orléans e Bragança sobre novo presidente do Chile

O deputado federal usou suas redes sociais para criticar o recém eleito presidente do Chile

Luiz Philippe de Orleans e Bragança

O deputado federal Luiz Philippe de Orléans e Bragança (PSL) criticou o recém-eleito presidente do Chile. Em uma publicação no Twitter, nesta segunda-feira (20), o deputado afirmou que o presidente do Chile será mais um “fascista”.

O recém eleito Gabriel Boric é autodeclarado socialista e fez uma campanha prometendo soluções socialistas para o país que é considerado um dos mais liberais da América Latina.

De acordo com o deputado federal, o presidente do Chile não deve entregar nada de novo e pode ainda agir de forma autoritária no país.

“O que esperar do presidente eleito do Chile? Intervenções na educação, na mídia, na economia, nos direitos de expressão, de consciência, de associação, de ir e vir…em fim, será um fascista como é todo comunista”, escreveu o deputado.

Veja a publicação original

 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorFeriados facultativos em 2022
Próximo artigoGolpe na praça