Senar-MT e parceiros mostram novas tecnologias que serão utilizadas em treinamentos

Ao todo serão 17 parceiros expondo suas tecnologias e a expectativa de um público de mais de 80 pessoas

Foto: Assessoria

Com a presença de 17 empresas parceiras, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT), realizou nesta terça-feira (23), no Centro de Treinamento (CT) de Campo Novo do Parecis, o evento “Aprendizagem Vivenciada na Prática”. O objetivo é a troca de conhecimento. “A partir desta semana, os sindicatos podem demandar junto ao Senar-MT os treinamentos que estão sendo ofertados nos CTs de Campo Novo do Parecis e de Sorriso” destaca o superintendente da instituição, Otávio Celidonio.

O gerente técnico, Carlos Augusto Zanata, popularmente conhecido como Guto Zanata, acrescenta que a ideia é ampliar cada vez mais o número de parceiros para garantir o aprendizado prático para os participantes dos treinamentos realizados pelo Senar-MT. “Dentro dos CTs temos o que há de mais moderno para qualificar pessoas” enfatiza Zanata.

Uma onda de inovação tecnológica invade o campo com uma rapidez que tem preocupado os produtores rurais. Uma das principais reclamações é a falta de mão de obra qualificada. NA opinião do presidente do Sindicato Rural de Diamantino, José Aparecido Cazzeta, ao ter mão de obra qualificada para operar as máquinas e implementos agrícolas já existentes no mercado será possível melhorar a rentabilidade dentro da propriedade.

O gerente sindical de Campo Novo do Parecis, Gezi Duarte Borges Junior acrescenta que a iniciativa do Senar-MT de montar Centros de Treinamentos em parceria com as empresas privadas para garantir a prática dos treinamentos é uma solução muito em pensada. “Vamos minimizar um dos principais gargalos do setor do agronegócio que é a falta de mão de obra qualificada”.

Se de um lado estão os presidentes de sindicatos rurais e suas equipes, preocupados com a evolução das tecnologias e a falta de mão de obra qualificada, por outro estão as empresas buscando uma forma de levar até o homem do campo conhecimento e informação sobre os produtos. E é o Senar-MT que tem feito esta conexão entre produtores e tecnologia.

Para o empresário Eloir Salbi da Dinâmica, revendedora da Stara, em Campo Novo do Parecis, a parceria com o Senar-MT é a realização de um sonho antigo “Há mais de 10 anos tenho falado que precisávamos de um projeto que fizesse essa conexão entre tecnologia e homem do campo e que também capacitasse pessoas para atuar na área. Estamos realizando este sonho”.

Nesta quarta-feira (24), o evento Aprendizagem Vivenciada na Prática, acontece no Centro de Treinamento (CT), de Sorriso, a partir das 8 horas. Ao todo serão 17 parceiros expondo suas tecnologias e a expectativa de um público de mais de 80 pessoas incluindo, presidentes de sindicatos rurais e suas equipes e produtores rurais.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAdvogado pede a extinção do PT por subordinação ao Foro de São Paulo
Próximo artigoProjeto de VG distribui pão e leite para pessoas carentes