SENAR faz 25 anos e comemora capacitação de 1,1 milhão de pessoas

É com uma grande exposição de “fotos e fatos” espalhada por todo o prédio do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (SENAR-MT) e o fechamento da “Cápsula do Tempo” que foi dado início, nesta sexta-feira, 6, nas comemorações dos 25 anos da instituição.

Ao longo de 2018 serão realizadas várias ações com o objetivo de contar histórias, especialmente daquelas pessoas que ajudaram no desenvolvimento do setor agropecuário do Estado. No final de 2018 será lançado um livro com todas estas histórias.

Ao todo foram mais de 55 mil eventos realizados e 1,1 mil pessoas capacitadas. “É importante observarmos que a população de Mato Grosso é pequena, com cerca de 3,3 milhões de pessoas. Ao capacitar 1.100 milhão pessoas o SENAR-MT levou conhecimento para pelo menos 1/3 da população mato-grossense nestes últimos 25 anos”, destaca o superintendente do SENAR-MT, Otávio Celidonio.

Somente nos últimos cinco anos, no setor de Saúde e Segurança no trabalho foram capacitadas mais de 32 mil pessoas. “Ao considerarmos que há 115 mil pessoas com carteira assinada trabalhando no setor agropecuário, em Mato Grosso, 32 mil é um número significativo de capacitados para atuar na segurança e saúde do trabalho no campo”, destaca Celidonio.

No setor de mecanização, nos últimos cinco anos foram mais de 25 mil pessoas capacitadas. “Preparamos estes profissionais para usar melhor a tecnologia das máquinas modernas que invadem o campo a cada ano que passa e, com isso, conseguimos contribuir bastante com o desenvolvimento do agronegócio”.

O presidente da Famato, Normando Corral destaca que o objetivo do SENAR-MT é a capacitação e qualificação profissional para o homem do campo. “Sabemos que hoje a tecnologia embarcada não só em máquinas, mas também em cultivares de sementes é muito grande e importante para o crescimento e desenvolvimento do setor. Para que possamos acompanhar tudo isso, precisamos treinar pessoas e, para isso, temos que aprender”.

Ele acrescenta ainda que o SENAR-MT está numa corrida muito grande para capacitar e qualificar cada vez mais e, com isso,  melhorar o resultado que é o aumento de produção e produtividade no campo.

Na opinião de Corral, sem capacitação e qualificação não existe desenvolvimento. “Sabemos que historicamente a qualidade de ensino no Brasil é muito ruim. Temos números assustadores: 53% dos analfabetos trabalham na agropecuária. Isso é muito complicado porque trabalhamos com pessoas que já tem um pouco de dificuldade de aprendizado, mas sem a capacitação e sem o conhecimento não há futuro”.

Para Corral, qualificação de mão de obra é sempre um desafio muito grande. A mudança é muito rápida e ele diz que fica complicado até para entender todas estas transformações. “Por isso, o SENAR-MT é importante para ajudar as pessoas a acompanhar o ritmo das mudanças e das transformações que estão ocorrendo”.

Tanto Corral, como Celidonio garantem que as perspectivas para o futuro são excelentes. “Temos feito um trabalho voltado para capacitar pessoas que vão atuar no setor das inovações tecnológicas e, também queremos levar isso para a educação. Estamos buscando parcerias para trabalhar com soluções integradas não somente no aprendizado, mas também na transformação do trabalho no campo”. Celidonio acrescentou ainda que o SENAR-MT está investindo muito em parcerias e no ensino híbrido que é a mistura da educação a distância com a presencial.

Cápsula do Tempo – Esta foi outra ação que marcou o início das comemorações dos 25 anos. Foram guardadas cartas, documentos, jornais e vários outros objetos. Essa reflexão de como será a instituição daqui a 25 anos mexeu com a emoção das pessoas.

Corral disse que certamente não estará mais no SENAR em 2043. “Porém o apego, a ligação e o carinho que tenho pela instituição não vai acabar nunca”. Ele disse que quer estar presente na abertura da cápsula daqui a 25 anos. “E tenho certeza que teremos histórias ainda mais bonitas para contar”.

 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDesembargador suspende processo contra militares envolvidos em grampos
Próximo artigoRiva usou fakes e robôs para bater Taques nas eleições de 2014

O LIVRE ADS