Senadora homenageia super-heroína

Selma Arruda indicou a camelô Leiliane Silva para receber o diploma Bertha Lutz

A senadora por Mato Grosso Selma Arruda (PSL) indicou a camelô que ficou conhecida como super-heroína, Leiliane Silva, para receber o diploma Bertha Lutz, instituído pelo Senado para homenagear mulheres que tenham oferecido relevante contribuição na defesa dos direitos da mulher e questões de gênero no Brasil.

Leiliane ficou conhecida por salvar o motorista do caminhão atingido pelo helicóptero onde estava o jornalista Ricardo Boechat, morto no acidente. Enquanto alguns homens a filmavam, ela retirava o motorista do meio das ferragens, mesmo não podendo se submeter a episódios de estresse e fortes emoções. Há poucos meses ela foi diagnosticada com malformação arteriovenosa (MAV).

Outro nome indicado pela senadora, em reunião da bancada feminina desta terça-feira (19), foi da dona de casa Fabiane Maria de Jesus, morta aos 33 anos após ser brutalmente espancada por vizinhos. Ela foi alvo de uma notícia falsa publicada em rede social de que havia praticado magia negra em Guarujá (SP). A homenagem post-mortem deve ser recebida pela família.

As indicações ainda precisam ser aprovadas pela bancada feminina. O diploma será entregue em solenidade a ser realizada no Senado em março, no Dia Internacional da Mulher.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorFord anuncia fechamento da fábrica de São Bernardo do Campo
Próximo artigoJustiça bloqueia R$ 134 mil de ex-presidente de Câmara por cortar árvores sem autorização