Sema e Ciopaer desativam garimpo ilegal em Parque Estadual em Mato Grosso

O Parque é uma Unidade de Conservação de preservação permanente localizada no extremo norte do estado, entre Colniza e Cotriguaçú

Garimpo ilegal na Unidade de Conservação Igarapés do Juruena - Foto por: Sema-MT

Um garimpo ilegal foi desativado no Parque Estadual Igarapés Juruena após ser flagrado em uma operação contra crimes ambientais motivada por denúncia anônima. A ação foi realizada pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT), em parceria com o Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), na última sexta-feira (23).

Equipes sobrevoaram a área e identificaram 12 pessoas em atividade ilegal de garimpo. Foram destruídos no local 6 motores estacionários, uma moto, e barracos de lona utilizados como abrigo pelos suspeitos.

A operação contou com apoio do Centro Integrado de Operações Aéreas para possibilitar a fiscalização da área de difícil acesso por meio terrestre.

O Parque Estadual Igarapés do Juruena é uma Unidade de Conservação de preservação permanente. Está localizada no extremo norte do estado, entre Colniza e Cotriguaçú, com a maioria da sua área de 227 mil hectares do Bioma Amazônia. O Parque Estadual foi instituído pelo Decreto nº 5.438 de 12 de novembro de 2002.

Denúncias

Ao se deparar com crimes ambientais, o cidadão pode fazer denúncias pelo 0800 65 3838 ou via aplicativo MT Cidadão (disponível para IOS e Android).

(Da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVai dar para dormir sem ar-condicionado: clima deve continuar ameno em Cuiabá
Próximo artigoCuiabá paga R$ 1 milhão ao mês para administradora de estoque de medicamentos