Sem SPC e Serasa

Câmara Federal vota na terça-feira projeto de lei que impede a inclusão de novos nomes até o fim do estado de calamidade

(Foto: Arquivo/Agência Brasil)

Quem tem dívidas está prestes a se ver livre do cadastro no SPC e Serasa. Pelo menos, enquanto durar a pandemia do novo coronavírus.

A Câmara dos Deputados deve votar nesta terça-feira (9) um projeto que suspende a inclusão do nomes em cadastros negativos.

A proposta já até havia sido aprovada pelos deputados federais, mas foi alterada no Senado. Por isso, a necessidade de uma nova votação.

Se virar lei, ninguém mais poderá ter o nome negativado até 31 de dezembro, que é quando acaba o período de calamidade pública decretado pelo governo federal.

No caso das pessoas que já estão inscritas, o projeto proíbe instituições financeiras de negarem a elas acesso a linhas de crédito ou programas de fomento cujos objetivos sejam enfrentar a crise causada pela pandemia.

E mais! O projeto do Senado obriga bancos públicos a disponibilizarem empréstimos de até R$ 10 mil para quem já está negativado pagar suas contas.

(Com Agência Câmara de Notícias)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorBorracheiro é preso acusado de abusar sexualmente de menino de três anos
Próximo artigoPico da covid foi em 12 de maio