Sem privilégios

Governador Mauro Mendes não quer uma "classe de privilegiados" em MT

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

As regras gerais para a aposentadoria dos servidores públicos estaduais serão definidas nos próximos 60 dias. A previsão é do governador de Mato Grosso Mauro Mendes (DEM).

Em uma entrevista concedida aos jornalistas durante a inauguração da avenida Parque do Barbado, no Jardim das Américas, ele afirmou que a estratégia do governo era primeiro aumentar a contribuição, que passou de 11% para 14%.

A votação da alíquota aconteceu na sexta-feira (10) na Assembleia Legislativa. O placar final da votação foi 16 votos a 7.

Agora, entrarão em debate assuntos espinhosos como a idade mínima para aposentadoria e a situação dos militares.

Desde já, Mendes diz que tentará ser justo com 95% da população, que hoje está sobre as novas regras da previdência.

“Os servidores não serão uma classe de privilegiados. Não é correto que o resto da população se aposente com 65 anos para homens e 62 para mulheres e os funcionários públicos aos 45 anos”.

Ainda segundo Mendes, as alterações propostas pelos deputados já haviam sido acordadas previamente e não surpreenderam.

“Este processo está acontecendo simultaneamente em todos os estados e Mato Grosso não pode ficar de fora. O estado que não tiver a alíquota de 14% perderá oportunidade de captar financiamentos e o aval do governo federal em muitas situações. Os deputados estavam cientes disto”.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

1 COMENTÁRIO

  1. Eu Naum sei onde esse governo encontra funcionário público aposentando com 45 anos de idade, até onde sei, temos regras pra aposentadoria, soma de idade/contribuição pra mulheres 30 anos contribuição +55 idade =85 anos e homem 60 anos e 35 contribuição =95 anos, isso está na lei, levando em consideração essa verdade, é impossível se aposentar com 45 anos Sr Governador. Sou aposentada dentro da lei

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAmaggi figura entre as cinco maiores exportadoras de grãos do país
Próximo artigoHomem que matou, retalhou e escondeu corpo em geladeira é condenado a 21 anos de prisão

O LIVRE ADS