Sem motivo para pânico

Médico veterinário, senador Wellington Fagundes lembra que foi a gata que pegou a covid dos humanos e não o contrário

(Foto: Assessoria)

Médico veterinário e membro da Academia Brasileira de Medicina Veterinária, o senador Wellington Fagundes (PL-MT) pediu às pessoas que tenham calma em relação à notícia do primeiro animal de estimação a ter contraído covid-19.

O caso envolve uma gata e foi registrado em Cuiabá. O pedido para que a população não entre em pânico se sustenta no fato de que não há registro de transmissão da doença de animal para o ser humano. Na verdade, ocorreu justamente o contrário. 

A gata foi infectada pelos seus donos, que já haviam testado positivo para o novo coronavírus, segundo os pesquisadores que descobriram o caso.

LEIA TAMBÉM

Wellington Fagundes disse temer, principalmente, que as pessoas se apavorem e abandonem animais doméstico. Além de ser crime – ele enfatizou – a demasiada ocorrência de animais sem cuidados nas ruas pode provocar “um problema ainda mais sério de saúde pública”.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorR$ 16,5 milhões sem licitação
Próximo artigoAgente penitenciária denuncia racismo ao ser impedida de entrar com bolsa em banco