Segunda onda? Ministério da Saúde defende isolamento só do grupo de risco

Pelo Twitter, o Ministério também orientou as pessoas a procurar atendimento médico imediatamente após os primeiros sintomas

(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

Na noite dessa quarta-feira (18), o Ministério da Saúde publicou que o Brasil pode ter uma crescente no número de contaminados com a covid-19. Para o Ministério, é importante, dessa vez, fazer um isolamento social “eficiente”, isolando apenas as pessoas do grupo de risco.

No caso de sintomas, o protocolo médico orienta que o paciente procure um médico imediatamente para iniciar o tratamento de forma precoce.

“Até que se tenha uma vacina segura e testada, recomendamos o TRATAMENTO PRECOCE. O médico deverá ser procurado ao sentir os primeiros sintomas”, diz trecho da publicação. 

O Ministério ainda defendeu que apenas os grupos de risco façam o isolamento social e que a sociedade continue com suas atividades normais.

“As pessoas que estão fora do grupo de risco e as crianças devem continuar suas atividades normais, com os cuidados recomendados pelos protocolos do Ministério da Saúde”, concluiu.

Confira as publicações

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorServidores de VG e Rondonópolis foram os que mais receberam auxílio emergencial indevidamente
Próximo artigoTrilha liberada