Secretário, hospital e justiça tentam acordo para regularização da Saúde

Reuniões e audiência foram realizadas na tentativa de regularizar o novo contrato com a administração

O secretário da Casa Civil, Júlio Modesto, afirmou na manhã desta quinta-feira (03), em Sinop (500 Km de Cuiabá), que o Hospital Santo Antônio não irá interromper os atendimentos. De acordo com Modesto, foi realizada uma audiência com o promotor, procurador, controlador-geral e administração do hospital.

“Ficou estabelecido em ata que o atendimento fica normalizado e, no retorno (marcado para daqui uma semana e meia), trataremos da contratação dos serviços. Por enquanto, nada se altera, o serviço segue normalizado para o cidadão, não precisa se preocupar”, disse o secretário.

A afirmação de Modesto vai ao encontro das recentes notícias que davam conta sobre uma possível paralisação dos atendimentos na unidade, por suposta falta de pagamentos por parte do Governo do Estado.

Modesto disse ainda que o estado está tentando normalizar os atendimentos do Hospital Regional, para que a rede funcione.

“Para isso vamos viabilizar a reforma no Regional, que vai garantir mais 14 novos leitos totalizando 82 leitos ativos na unidade. Quando você faz isso, automaticamente desafoga um pouco a UPA. A própria regulação do atendimento, a rotatividade dos leitos, vai tirar essa sobrecarga da UPA nesse momento”, explicou o secretário.

Ainda sobre o contrato do estado com o Hospital Santo Antônio, o secretário afirmou que, para cumprir a nova legislação federal (que impede o pagamento via indenização), será firmado um novo contrato.

“Inclusive já trouxemos ontem uma minuta do contrato que foi apresentado. Os valores estão em discussão, mas assinaremos em breve”, finalizou Modesto.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSeções eleitorais serão instaladas em Terras Indígenas
Próximo artigoPeríodo de colheita de soja termina neste sábado (05)