Secretaria sem secretária

Seis meses após a criação da Secretaria da Mulher, Cuiabá ainda não tem alguém para comandá-la

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro deve anunciar nesta segunda-feira (9) se assumirá ou não a Secretaria da Mulher.

Passou o dia de celebração internacional à mulher e a secretaria anunciada pela Prefeitura de Cuiabá ainda não tem data de iniciar seus trabalhos. Isso, apesar de a Pasta ser vista como o centro de articulação das políticas públicas da Capital.

A criação da secretaria foi anunciada no fim do ano passado pelo prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), que disse, na época, querer que a primeira-dama assumisse o cargo.

Num artigo publicado nesse domingo (8), Márcia ressalta a redução da violência doméstica em Cuiabá a partir 2017 e os efeitos do programa Qualifica Cuiabá 300, que oferecem cursos profissionalizantes exclusivamente para as mulheres.

Ela vê a dependência financeira da mulher como o principal motivo de permanência de vítimas de violência em relacionamentos com os agressores.

A assessoria de imprensa da Prefeitura diz que há previsão para instalar a Secretaria da Mulher na próxima semana. Seria um cronograma a ser seguido independentemente da primeira-dama estar à frente da pasta.

Na prática, já é possível dizer que a secretaria terá apenas alguns meses de funcionamento.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anterior“Orçamento é o maior desafio”, diz novo reitor da UFMT
Próximo artigoUma fila de 315 mil pessoas