Santo Antônio de Leverger proíbe festas de Carnaval

Município detém tradição no período carnavalesco, atraindo populares com nomes irreverentes nos blocos

A prefeita de Santo Antônio de Leverger (33 km de Cuiabá), Francieli Magalhães (PTB), assinou no dia 4 deste mês um decreto que proíbe a realização de festas e eventos públicos e particulares no período de Carnaval.

A medida foi adotada como prevenção à disseminação do coronavírus.

De acordo com o Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES) divulgado no domingo (7), o município com 16.628 habitantes registra 35 casos confirmados e dois óbitos.

Por décadas, o Carnaval de Santo Antônio de Leverger foi um dos mais tradicionais de Mato Grosso, atraindo diversos populares no período de festividade.

Com muita irreverência, os blocos Garanhões da Madrugada, Pau Brilhoso e Pêlo meu Saco faziam a diversão de populares, sempre desfilando na principal avenida do município. No período de Carnaval, a movimentação é superior a 30 mil pessoas.

De acordo com a prefeita Francieli Magalhães, a medida adotada é uma forma de evitar a aglomeração e contágio pela covid-19, porque o município é uma das cidades mais tradicionais na realização das festas em época de Carnaval.

“As festas de Carnaval de rua atraem milhares de pessoas todos os anos. Com a vinda do público em massa, é nítido que teremos grandes números de infectados após o período das festanças. Essa medida que adotamos foi exatamente para não deixar o número de casos saírem do controle”, declarou.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPolícia caça quadrilha especializada em roubos na fronteira de MT
Próximo artigoDescarte de vacinas