Rogers diz que não entende por que está preso

Ednilson Aguiar/O Livre

rogers jarbas

Ex-secretário de Estado de Segurança Pública Rogers Jarbas: “Não sei por que o Soares inventou isso de mim”

O ex-secretário de Estado de Segurança Pública, Rogers Elizandro Jarbas, afirmou que o tenente-coronel José Henrique Costa Soares “inventou” sua participação em um plano para gravar e afastar o desembargador Orlando Perri das investigações dos grampos.

A informação foi prestada em depoimento à delegada Ana Cristina Feldner, então encarregada pelo Tribunal de Justiça das investigações sobre o suposto esquema. O caso atualmente está sob responsabilidade do ministro Mauro Campbell Marques, do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

“Não sei por que o Soares inventou isso de mim, não consigo entender, ele deve ter feito alguma coisa errada lá com o Lesco, não sei. Mas comigo, por que ele fez isso?”, disse Rogers, que também é delegado.

De acordo com a decisão de Perri, que decretou a prisão de Rogers em 27 de setembro, o então secretário teria autorizado o major Michel Ferronato a oferecer uma promoção ao tenente-coronel Soares, para que ele gravasse o desembargador.

Rogers foi preso durante a Operação Esdras, deflagrada contra um suposto grupo criminoso que tentaria obstruir as investigações dos grampos telefônicos realizados por pessoas ligadas à cúpula do governo estadual.

Na mesma ocasião também foram presos os ex-secretários Paulo Taques (Casa Civil), coronel Airton Benedito Siqueira (Justiça e Direitos Humanos) e Evandro Alexandre Lesco (Casa Militar).

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorProtesto contra Temer termina em confusão no Rio
Próximo artigoAção no STF questiona “celeridade” em aposentadoria e nomeação de conselheiros

O LIVRE ADS