Retrospectiva Brasil 2019 – Relembre o que foi notícia em maio

Foi em maio que o cantor Gabriel Diniz morreu na queda de um avião #Retrospectiva2019

Cantor Gabriel Diniz morreu em maio

Em maio, o Congresso Nacional aprovou novas regras sobre Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD). A lei permite que empresas e entes públicos possam coletar e tratar informações das pessoas.

O presidente Jair Bolsonaro fez a primeira viagem oficial ao Nordeste.

Educação pelo mundo

A Agência Brasil acompanhou as experiências bem-sucedidas em Singapura e Índia na área de Educação durante a 11ª Missão Técnica Internacional. Em meio aos estudos de cálculos, sistemas eletrônicos e inovação, os alunos do Instituto de Tecnologia Dr. Ambedkar, em Bangalore, na Índia, também têm espaço para o aprendizado das artes. Habilidades como resolução de problemas, criatividade e empatia são estimuladas entre os alunos.

Leia mais

Contigenciamento / Descontigenciamento

O governo anunciou o contingenciamento de R$ 5,8 bilhões do orçamento do Ministério da Defesa. O valor representa cerca de 44% do orçamento discricionário (despesas não obrigatórias) da pasta. Logo depois disse que poderia haver mais bloqueios, mas decidiu usar R$ 1,64 bilhão da reserva de emergência para recompor as verbas dos Ministérios da Educação (MEC) e do Meio Ambiente (MMA).

Leia mais

Coaf

Por 228 votos, o plenário da Câmara dos Deputados manteve a decisão da comissão mista que analisou a Medida Provisória da Reforma Administrativa (MP 870/19)  e aprovou a volta do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) para o Ministério da Economia.

Leia mais

Michel Temer

O Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2) suspendeu os habeas corpus (HCs) de Michel Temer. O ex-presidente se apresentou voluntariamente à sede da Polícia Federal em São Paulo. Dias depois, Temer deixou a prisão.

Michel Temer foi alvo da Operação Descontaminação, um dos desdobramentos da Lava Jato no Rio de Janeiro, que investiga desvios da ordem de R$ 1,8 bilhão nas obras da usina nuclear de Angra 3.

Leia mais

Obituário

O austríaco Niki Lauda, tricampeão de Fórmula 1, morreu aos 70 anos em Viena, na Áustria. O piloto foi campeão do mundo em 1975, 1977 e 1984. Em 1976, Lauda sofreu um grave acidente em Nurburgring, na Alemanha. Ele ficou preso nas ferragens enquanto o carro pegava fogo. Lauda teve graves queimaduras que causaram sequelas.

O ator e humorista Lucio Mauro, nome artístico de Lucio de Barros Barbalho, considerado no meio artístico um dos pioneiros na televisão no Brasil, morreu aos 92 anos. Ele estava internado há cerca de quatro meses na Clínica São Vicente, no Rio de Janeiro, e tinha problemas respiratórios depois de sofrer, há três anos, um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

A atriz Lady Francisco morreu aos 84 anos de complicações respiratórias, no Rio de Janeiro. Ela estava internada no Hospital Unimed-Rio desde o dia 28 de abril, quando entrou para fazer a correção de uma fratura do fêmur provocada por uma queda em casa.

O cantor e compositor Gabriel Diniz morreu no dia 27, aos 28 anos, na queda de um avião de pequeno porte na região da Praia do Saco, em Estância, Sergipe, no início desta tarde. Gabriel ficou conhecido nacionalmente após lançar a música Jenifer, em janeiro deste ano. Na noite de ontem (26), o cantor fez show em Feira de Santana, na Bahia.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorOrganizar as finanças no próximo ano pode ser promessa da virada
Próximo artigoNo SUS, de cada dez atendimentos por acidente, oito são de motociclistas