Restaurante em Cuiabá desafia clientes com árvore de natal feita de garrafas de Heineken

A genial brincadeira criada pelo Quintal do Primo é tentar descobrir quantas garrafas foram necessárias para erguer a torre natalina

Tem um palpite aí? Se você é uma daquelas pessoas boas de “chute” e que adora um desafio, a pedida é ir conhecer o Quintal do Primo, que, com ambiente intimista e aconchegante, tem cativado os clientes com um enfeite natalino inusitado: uma árvore de natal feita de garrafas vazias da cerveja Heineken.

A torre verde tem no topo uma estrela vermelha, assim como a logo da marca da bebida. Mas a cerveja da árvore. Ops, cereja do bolo! É a brincadeira que os donos do Quintal bolaram.

Os frequentadores do lugar são desafiados a descobrir quantas garrafas foram usadas para erguer o pinheiro de vidro, e é aí que tudo fica divertido.

Chutes a esmo, ou cálculos mirabolantes, são escritos em um papel e colocados em uma caixa. O prêmio para quem acertar é um kit cervejeiro. Mas o real objetivo do bar é apenas um: reunir as pessoas ao redor da árvore numa brincadeira menos tecnológica.

Como contou o proprietário do Quintal do Primo, Fernando Dambrós, “os pais chegam aqui e pedem ajuda e até exploram os filhos [risos] para contarem garrafas, enquanto discutem na mesa sobre o número exato”.

Em um pequeno papel, cada um coloca o número da aposta, nome completo e telefone para contato. A esperada revelação será na próxima sexta-feira (20), as 21 horas. Até lá, muitos teoremas ainda podem rolar.

“Acompanhar os palpites tem sido muito engraçado. Alguns olham e dizem: ‘Tem muitas garrafas, acho que umas trezentas’. Outros falam em aproximadamente mil e quinhentas. Teoria de número primo, progressão geométrica, raio multiplicado pela altura…”. Mas Fernando adianta: várias pessoas já mataram a charada.

Lá, o chamariz apetitoso não é nenhum peru assado ou qualquer prato da ceia natalina, e a árvore se torna apenas coadjuvante perto da principal atração: a costela – um dos cortes favoritos dos brasileiros.

O cuidado do prato começa com a escolha do fornecedor e da matéria prima. Depois ela é cuidadosamente preparada, temperada e assada na brasa por 6 a 8 horas, e chega na mesa desmanchando, acompanhada de farofa na manteiga e creme de maionese.

Sorvetes caseiros também enchem a boca d’água. Tudo preparado de forma artesanal por Fernando, a namorada Debora Jardina e toda a família.

O restaurante funciona de terça a sexta, das 18h às 22h30, e aos sábados das 11h às 16h, e está localizado na Rua Almirante Henrique Guedes, nº 520, em Cuiabá, próximo ao shopping Goiabeiras.

Encomendas para as festas de fim de ano podem ser feitas pelo telefone (65) 99604-5303.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorFake news: eleitores de direita confiam mais nas redes sociais, afirma pesquisa
Próximo artigoQuatro deputados estão na mira da Justiça Eleitoral e podem ter os mandatos cassados em 2020

O LIVRE ADS