Respingo político

Adversários do governador Mauro Mendes começam a explorar envolvimento de ex-secretário em investigação de tráfico

(Foto: Ednilson Aguiar / O Livre)

O uso político do suposto envolvimento do ex-secretário de Ciência e Tecnologia, Nilton Borgato (PSD), com o tráfico internacional de drogas, começou a respingar no governador Mauro Mendes (União Brasil).  

Ontem (26), o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), a quem o governador geralmente se refere por meio das prisões de sete ex-secretários e investigação de corrupção em secretarias, disse que ele “também tem teto de vidro” e precisado “engolir seco” a história. 

Os aliados do governador têm dito que não vêem conexão da atitude de Borgato com a sua posição de secretário, pois até o momento a Polícia Federal, responsável pela investigação, não apontou uso do posto para ter influência criminal. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPlacebo: Gaeco deflagra operação contra roubo e desvio de fertilizantes
Próximo artigoIndulto de Daniel Silveira dado por Bolsonaro será julgado em plenário do STF