Repercussão de pesquisa

Galvan ficou com 2% das intenções de voto e foi o único que questionou o resultado

Presidente da Aprosoja, Antonio Galvan, defende importância da pesquisa. (Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

Políticos e partidos em Mato Grosso reagiram de acordo com os números da pesquisa do Instituto Real Time Big Data, para o Senado.

A estimativa de votos para a pré-candidata Natasha Slhessarenko (PSB) em 8%, num momento em que a médica é pouco conhecida, foi avaliada como positiva e em sintonia com a projeção do PSB.

Já membros do PP dizem que o deputado federal Neri Geller – que também aparece com intenção de 8%- terá quatro meses para alavancar sua campanha, mesmo ele vindo de um longo histórico na política e estar mais exposto ao público que Natasha.

O PTB, partido do pré-candidato Antônio Galvan, com 2%, foi à Justiça questionar a pesquisa, sob a justificativa de que os dados não são reflexo de uma metodologia mais próxima à realidade.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorBrasileiro demora 39 meses para procurar ajuda para depressão
Próximo artigoCentral de Regulação do SUS é alvo de tentativa de furto e vandalismo