Reforma tributária vai ficar para 2021, diz presidente de comissão

A proposta enviada pela equipe econômica do presidente promete simplificar o complexo sistema tributário brasileiro

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

De acordo com o presidente da Comissão Mista, senador Roberto Rocha (PSDB), a reforma tributária não será votada na Câmara dos Deputados nem no Senado este ano, deve ser votada somente no primeiro semestre de 2021.

A previsão inicial era concluir o assunto neste fim de ano no Congresso, mas o processo burocrático para a aprovação do projeto demanda tempo.

“Tem que fazer todo o trâmite na Câmara e no Senado. Só o número de sessões, pela regra, já inviabiliza votar na Câmara esse ano”, explicou o senador.

A proposta tributário foi desenvolvida pela equipe econômica do presidente Jair Bolsonaro e pretende simplificar o complexo e burocrático sistema tributário brasileiro. Uma vez aprovada, a reforma deixaria mais fácil a vida do pagador de impostos.

(Com informações do Globo)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorOperação Smash: Polícia Civil cumpre 70 mandados de prisões em MT
Próximo artigoEm Sorriso: Justiça bloqueia R$ 529 mil de prefeito, vice-prefeito e advogados