Receptador é preso e medicamentos furtados de UPA são recuperados pela Polícia Civil

O autor do furto contou com a participação de um funcionário da UPA para a subtração dos produtos

(Foto: PJC MT)

Um suspeito de 28 anos foi preso e 48 ampolas de epinefrina, que haviam sido furtadas da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Barra do Garças (520 km de Cuiabá), foram recuperadas pela Polícia Civil nessa segunda-feira (22).

Durante diligências para apurar a subtração de uma caixa da medicação chamada Epinefrina, os policiais civis da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) do município identificaram um indivíduo que estava na posse de parte das ampolas furtadas.

Com base nas suspeitas, a equipe foi até um endereço no Bairro Jardim Nova Barra, e foi recebida pelo investigado, que autorizou a entrada no local. No imóvel, foram localizadas 48 ampolas da substância epinefrina.

Questionado sobre os fatos, o morador informou que havia comprado a medicação de uma pessoa, porém, não sabia informar o nome. Diante do flagrante, o suspeito foi conduzido para esclarecimentos e preso por receptação.

De acordo com o delegado Nelder Martins Pereira, as investigações apontam que o autor do furto contou com a participação de um funcionário da UPA para a subtração dos produtos.

Nelder Martins explicou também que, segundo o médico responsável pelo órgão público, a Epinefrina é um medicamento que, quando usado demasiadamente, apresenta os mesmos efeitos entorpecentes da cocaína.

“Com a rápida ação da Derf foi possível evitar que esse medicamento fosse utilizado de forma criminosa, colocando em risco a vida de outras pessoas”, destacou o delegado.

As diligências continuam para conclusão do inquérito e esclarecer se os envolvidos praticaram o furto de outros medicamentos, bem como há quanto tempo vinham cometendo o crime.

(Da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorÔnibus escolar apresenta defeito em freio e direção, derruba casa e criança fica ferida
Próximo artigoTornozeleira e botão do pânico: governo de MT vai cobrar diária de R$ 11 de criminosos