Racha entre motos causa acidente que deixa dois mortos e oito feridos

Os mortos são um homem de 31 anos e um bebê de apenas um ano; entre os feridos estão quatro crianças

Um grave acidente na Rodovia dos Pioneiros, MT 222, zona rural de Sinop (500 km de Cuiabá), causou a morte de duas pessoas – um homem de 31 anos e um bebê de apenas um ano – e deixou outras oito pessoas feridas no fim da tarde desse domingo (22).

Testemunhas disseram à polícia que um Fiat Strada prata seguia em direção ao centro de Sinop, enquanto um GM Astra prata rumo à zona rural, quando duas motocicletas ultrapassaram o Strada em altíssima velocidade, possivelmente fazendo um racha.

Para desviar das motocicletas – que não foram identificadas – o Astra precisou jogar o carro na pista contrária e bateu de frente com a picape Strada.

A Polícia Militar foi acionada e iniciou o controle do tráfego e isolamento do local, enquanto o Corpo de Bombeiros prestou os primeiros-socorros às vítimas.

Ao todo, nove pessoas foram encaminhadas ao Hospital Regional de Sinop, sendo cinco crianças – dois meninos de um ano, outro de quatro, e duas meninas de quatro e 11 anos -, um adolescente de 17 anos, uma jovem de 25 anos, uma mulher de 33 anos e um jovem de 26 anos.

O motorista da Fiat Strada, Ander Cleves Pereira Canguçu, morreu ainda no local; ele ficou preso às ferragens e precisou ser retirado pelos bombeiros.

Um dos bebês de um ano, Eric Alexandre Corsini Santana, que estava no GM Astra, morreu logo depois de chegar no hospital.

O caso será investigado pela Polícia Judiciária Civil, em conjunto com a Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), que irá apurar as causas oficiais e os culpados pelo acidente.

LEIA TAMBÉM:

Casal de idosos morre ao bater carro em ônibus em rodovia estadual

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorHomem perde um dente ao ser espancado pela esposa em Cuiabá
Próximo artigoVisitantes indigestos e a lei do ex dando as caras | Análise do Gordinho

O LIVRE ADS