Quatro meses de licença

Eduardo Botelho pediu tempo para cuidar assuntos pessoais e abrir espaço para o suplente Romoaldo Junior

(Foto: Fablício Rodrigues/ALMT)

O presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho (União Brasil), vai sair de licença do cargo a partir de terça-feira (10), por quatro meses. A cadeira será ocupada pelo suplente Romoaldo Junior (MDB). 

A vice-presidente Janaína Riva (MDB) assume o comando dos trabalhos até o início de setembro. O despacho que libera o parlamentar foi aprovado nessa quarta-feira (4) para o tempo de 121 dias e com a justificativa de assuntos pessoais. 

A saída de Botelho também cumpre o acordo de campanha de ceder espaço para suplentes de outros partidos exercerem a função. O beneficiado, Romoaldo Junior, já havia assumido a vaga de Janaína Riva, em 2020, quando ela tirou licença maternidade. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorJustiça determina indenização a viúva e filhas de trabalhador morto em serviço
Próximo artigoFim da terceira via? União Brasil terá candidatura majoritária de chapa pura