Quarentena estendida em Cuiabá

Juiz acata pedido do Ministério Público e prolonga a quarentena por mais sete dias

Juiz José Luiz Leite Lindote

A quarentena obrigatória em Cuiabá e Várzea Grande foi prolongada por mais sete dias pelo juiz da Vara de Saúde Pública, José Luiz Leite Lindote, nessa quinta-feira (16). 

Ele acatou pedido do Ministério Público do Estado (MPE). As atividades econômicas continuam restritas aos serviços considerados essenciais até quinta-feira (23), com a obrigação de circulação de 100% da frota do transporte coletivo. 

A primeira ordem judicial de quarentena durou 15 dias e depois outras duas, com prazo de sete dias cada uma, foram determinadas pelo juiz Lindote. 

O magistrado estabeleceu uma audiência de conciliação na próxima semana entre Estado e municípios para avaliar histórico epidemiológico para decidir se fará uma quarta renovação da quarentena. 

Ainda orientou que as prefeituras determinem fiscalizações mais rigorosas da Defesa Civil e Vigilância Sanitária para evitar aglomeração de pessoas nos bairros. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMarmitas a R$5: empresárias revelam segredo para manter preço e ainda lucrar
Próximo artigoBloco resistência democrática cresce na ALMT e se iguala à base do governo