Propaganda eleitoral é definida

O horário eleitoral vai invadir sua televisão a partir do dia 18 de março

(Foto: Agência Brasil)

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT) aprovou as normas da propaganda eleitoral gratuita para a disputa ao Senado, agendada para o dia 26 de abril.

A eleição suplementar visa preencher a vaga deixada por Selma Arruda (Podemos), cassada por caixa dois e abuso de poder econômico.

Conforme a resolução (2406/2020), a propaganda vai ser veiculada três vezes por semana, sempre às segundas, quartas e sextas-feiras.

Além disso, a duração vai ser de cinco minutos, com quatro inserções ao longo dos dias: das 7h às 7h05 e das 12h às 12h05 no rádio; e das 13h às 13h05 e das 20h30 às 20h35 na televisão.

A propaganda, permitida a partir do dia 18 de março, vai ser veiculada entre os dias 23 de março a 23 de abril.

Já a propaganda paga poderá ser de 30 a 60 segundos e veiculada entre segunda-feira e domingo. Ela deve ocorrer das 5h à meia noite e não pode passar da soma total de 14 minutos.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPrefeituras devem avisar até o dia 14 se vão fazer Carnaval neste ano ou não
Próximo artigoPassou para a UFMT, mas não terminou o ensino médio devido a greve? Saiba o que fazer

O LIVRE ADS