Professores como prioridade

Presidente da ALMT, deputado Max Russi quer profissionais da Educação no topo da lista do plano estadual de vacinação

(Foto: Pixabay)

O Governo de Mato Grosso ainda não conseguiu comprar por conta própria as vacinas contra a covid-19. Mas o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Max Russi (PSB), já começou a articular uma lista de prioridades de quem deve ser vacinado.

Como o governo federal já se encarregou de priorizar idosos e profissionais da saúde, o parlamentar quer o Estado comece a aplicação pelos professores. Uma medida que facilitaria, por exemplo, o retorno das aulas presenciais no Estado.

No pedido encaminhado ao governo, Max lembrou que, em 2019, quando a vacina distribuída era contra a influenza, professores estavam no grupo prioritário.

Vale lembrar que, o deputado também é autor de outra iniciativa que classifica como prioridade a vacinação de atendentes de supermercado, frentistas, Agentes Comunitários de Saúde e os Agentes de Endemia.

(Com Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSTF descarta anular delação que embasou Operação Ararath
Próximo artigoGanha Tempo: TJ nega retorno de gestor, mas admite a possibilidade