Produtora explica demissão de diretor do novo James Bond

Bond completamente renovado

(Foto: Reprodução/O Livre)

A produção bastante conturbada do novo filme de James Bond, 007: Sem Tempo para Morrer, deixou muita gente apreensiva.

A franquia já tinha sofrido mudanças significativas, quando seus direitos foram comprados pela Universal, e o filme ainda teve o diretor original, Danny Boyle, demitido.

Agora, em entrevista com a Variety, a produtora Barbara Broccoli finalmente explicou o que aconteceu nos bastidores da produção.

“Foi difícil para os dois lados porque tínhamos respeito e admiração mútuos, mas é melhor conhecer as diferenças antes de você embarcar em um projeto. Trabalhamos bem por vários meses, mas chegou um momento em que estávamos discutindo o tipo de filme que queríamos fazer e ambos chegamos à conclusão de que não estávamos alinhados”, disse.

“Os filmes são muito difíceis de fazer quando estão todos na mesma página. Quando você não está, é basicamente impossível. Reconhecemos isso e, de uma maneira respeitosa, percebemos que não ia dar certo”, finalizou.

Boyle foi substituído por Cary Joji Fukunaga na direção. A data de estreia mundial é 2 de abril.

O longa traz Daniel Craig pela última vez como o protagonista.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVÍDEO | Mulher vê homem raptando menina e inicia perseguição a 160 km/h
Próximo artigoMenos R$ 750 milhões

O LIVRE ADS