Congresso de gestores agro deve reunir 3 mil pessoas em Brasília

Congresso terá participação de prefeitos, secretários municipais, extensionistas e demais profissionais do agro

Foto: Divulgação

O primeiro Congresso Brasileiro de Gestores da Agropecuária, que acontece entre os dias 5 e 7 de novembro em Brasília-DF, deve reunir mais de 3 mil participantes entre prefeitos, secretários municipais de agricultura, extensionistas rurais, representantes de sindicatos de produtores rurais de todo o Brasil e demais profissionais do agro.

A realização do evento foi discutida na última quarta-feira (11) entre representantes do Sistema CNA/Senar, do Ministério da Agricultura e da Confederação Nacional dos Municípios.

No encontro, foram apresentadas iniciativas que serão debatidas durante o Congresso, e terá como tema: “É nos municípios que se produz o desenvolvimento”.

O chefe de gabinete da Agricultura Familiar do Ministério da Agricultura, Gabriel Assmann, destacou que o evento tem o objetivo de aproximar os gestores municipais do governo federal para que as políticas públicas sejam assertivas. “O Congresso é uma forma que o governo tem de se aproximar e colocar a informação no município. Hoje a gente sente que não há uma informação plena do gestor municipal sobre as políticas públicas do Mapa”, diz.

Para o vice-presidente da CNA, Muni Lourenço, a união dessas entidades representativas para a realização desse primeiro congresso demonstra o cuidado em facilitar o acesso dos gestores do setor agropecuário às políticas públicas, diversidade de programas e atividades que o governo federal desenvolve. De acordo com o analista em desenvolvimento rural da CNM, Osni Rocha, o congresso será um ambiente para compartilhar experiências e debater iniciativas para o aprimoramento de medidas para o desenvolvimento rural no âmbito municipal.

O evento também tem apoio do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), da Associação Brasileira das Entidades Estaduais de Assistência Técnica e Extensão Rural (Asbraer) e da Organização das Cidades do Patrimônio Mundial (OCBPM).

A inscrição é gratuita para prefeitos e secretários de Agricultura dos municípios filiados à CNM, bem como para os técnicos extensionistas e os representantes dos sindicatos de produtores rurais do país, e já podem ser feitas pelo site: www.congressoagropecuaria.cnm.org.br

Os demais participantes terão um custo de R$ 600, sendo que aqueles que se inscreverem até o dia 20/9 poderão pagar o valor promocional de R$ 450.

 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPM salva 60 tartarugas que iriam para a panela em MT
Próximo artigoEmpresários oferecem roteiros turísticos no centro de Cuiabá

O LIVRE ADS