Primeira vítima fatal da covid-19 em Cuiabá morava em chácara e saía pouco

Nelson Antônio Ferraz vivia com a esposa em uma chácara no Coxipó do Ouro

O técnico em telecomunicações aposentado, Nelson Antônio Ferraz, 79 anos, é a primeira vítima fatal do coronavírus em Cuiabá. Ele foi sepultado nesta quinta-feira (16), às 12h30, no Cemitério Parque Bom Jesus, na capital.

A amiga, Cleuza Dias, que é presidente do MT Mamma, o homenageou nas redes sociais, lembrando dos seus feitos quando ambos trabalhavam na Embratel, localizada no Morro da Luz.

Ela relata que na terça-feira (14), a esposa de Nelson o levou até o Hospital São Matheus, suspeitando que se tratava de uma intoxicação alimentar. “Mas ele foi do quarto direto para a UTI”. Diante dos sintomas a equipe médica realizou teste que deu positivo para a Covid-19.

O velório foi realizado seguindo os protocolos de segurança e a família, se despediu de longe. Cleuza, acompanhou por vídeo.

Depois que se aposentou, Nelson passou a viver em uma Chácara no Coxipó do Ouro. “A família está muito impactada. Nos últimos tempos eles [e a esposa] saíam pouco”.

Nelson, relembra Cleuza, foi um pioneiro da comunicação em Mato Grosso. O mineiro chegou na cidade na década de 1970.

“Antigamente, o sinal de TV era transmitido via satélite e só a Embratel cuidava disso. Ele era um dos profissionais mais importantes. Quando houve a explosão de satélites no mundo todo, ele foi até a Itália receber treinamento para restaurar o acesso da população à TV”.

Cleuza e Nelson trabalharam juntos por 20 anos e eram grandes amigos.

Ele deixa a esposa, dois filhos e dois enteados.

SES confirma

A Secretaria de Estado de Saúde disse em comunicado que foi informada sobre a primeira morte em Cuiabá por covid-19, pela Secretaria Municipal. Este é o quinto óbito registrado no Estado.

“A informação deve constar no próximo Boletim, que será publicado no fim da tarde desta quinta-feira (16). Até o momento, a capital mato-grossense notificou 79 casos da doença”, diz trecho da nota.

De acordo com os Boletins da SES, as outras mortes causadas em decorrência da Covid-19 em Mato Grosso envolveram residentes dos municípios de Lucas do Rio Verde, Cáceres, Aripuanã e Rondonópolis.

Homenagem

Na comunidade Cuiabá de Antigamente, ela endossou texto de Benilde Vanni Lage ao anunciar a partida do amigo. Ambas dividiram com o técnico em telecomunicações, boa parte da vida profissional.

“A família Embratel-Cuiabá perdeu para a COVID-19, o nosso colega, companheiro e amigo, Nelson Antônio Ferraz, que foi para Cuiabá, para Mato Grosso e para o país, um dos melhores e porque não dizer, o melhor técnico em telecomunicações através dele do seu conhecimento, dedicação, habilidade, sabedoria, nos permitiu, a partir dos anos 70, a assistir programas de TV local e nacional.

Somos muito gratos e orgulhosos do seu feito aqui no nosso convívio, tanto laboral como amigo nas horas de folguedos.

Muito triste a sua partida e como foi: o perdemos para o coronavírus. Por isso, não subestimem as orientações dos profissionais da saúde (este seria o conselho dele). Ele foi o responsável pela operacionalização de todas as emissoras desta cidade e muitas outras.

O verdadeiro MESTRE na TV”.

(Atualizada às 16h20)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorLady Gaga, Paul McCartney e Elton Jhon: saiba tudo sobre a gigantesca live “One World”
Próximo artigoMandetta anuncia no Twitter: “acabo de ouvir do presidente o aviso da minha demissão”

O LIVRE ADS