PRF escolta carga de Mato Grosso do Sul para o Marechal Rondon

O terminal chegou a cancelar vôos no período da manhã por falta de abastecimento

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) escoltou, na manhã desta sexta (1º), dois caminhões-tanque com querosene para aviação até o Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande/MT. A ação emergencial coordenada pela PRF envolveu policias do Mato Grosso do Sul e do Mato Grosso que monitoraram e escoltaram o carregamento que saiu de Campo Grande/MS para o terminal.

Na manhã desta sexta, o aeroporto chegou a cancelar vôos por falta de abastecimento. Com a escolta dos dois caminhões, um total de 150 mil litros de combustível, o terminal retomou o funcionamento já na final da manhã. Mais de 490 mil litros de querosene para aviação já haviam sido escoltados pela PRF até o aeroporto ainda durante a manifestação dos caminhoneiros, garantindo as operações de vôos e decolagens durante todo o período.

A PRF vem monitorando o retorno dos caminhões-tanque que foram escoltados, na última segunda (27), até Paulínia, em São Paulo, onde foram carregados com combustível para aviação. Com a chegada do carregamento no MT, o Aeroporto Marechal Rondon garante autonomia para vôos por mais um período até que sejam normalizados os abastecimentos no terminal.

(Da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

O LIVRE ADS