Preso por porte ilegal diz que comprou arma para se proteger após assalto

O homem disse que resolveu se armar depois de ser roubado e agredido por ladrões

(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

Um homem de 43 anos foi preso na noite de sexta-feira (21) no Bairro CPA III, em Cuiabá, depois de ser encontrado com uma pistola calibre 380 e afirmar que comprou a arma para se defender. Antes, teria sido vítima de um roubo.

Conforme o boletim de ocorrência, uma equipe da Polícia Militar estava em rondas pelo Bairro CPA III, por volta das 23 horas, quando o motorista de uma Hilux prata viu a viatura e reagiu com nervosismo, chegando a passar direto por um quebra-molas.

Os policiais estranharam a ação e ordenaram que o motorista parasse, o que foi obedecido de imediato. Ele foi revistado e, a princípio, nada de errado foi encontrado.

Porém, ao revistar o carro, os policiais encontraram uma pistola Glock. Questionado, o motorista afirmou que comprou a arma por R$ 5 mil para se defender, depois de ter sido vítima de um roubo em que chegou a apanhar dos ladrões.

Ele afirmou que em sua casa estava a maleta e o carregador da arma e assim, os policiais o acompanharam até em casa, onde também foi entregue à equipe a nota fiscal da pistola.

A caminhonete dele foi deixada na casa, pois não havia nada de irregular, e o homem foi levado para a Central de Flagrantes de Cuiabá, onde o caso foi registrado como porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSemáforos para pedestres em SP mostram bonecos homoafetivos
Próximo artigoCaracterísticas do autismo são perceptíveis nos primeiros anos de vida