Presidente do TJMT é internada em São Paulo após “pico de pressão”

Desembargadora está em observação médica por causa de princípio de infarto ocorrido em outubro de 2019

(Foto: Otmar de Oliveira/TJMT)

A presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, desembargadora Maria Helena Póvoas, foi internada nesta segunda-feira (8), em São Paulo, após um “pico de pressão”.  

De acordo com a assessoria do TJMT, a desembargadora está bem, mas a situação “requer cuidado”, pois ela já passou por episódio de infarto.  

No fim de outubro de 2019, a desembargadora foi internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital em Cuiabá por princípio de infarto. 

Na época, ela ficou internada por dez dias em observação médica.  

Na semana passada, Maria Helena Póvoas se licenciou da presidência do Judiciário para passar por uma bateria de exames. 

A desembargadora se licenciou da presidência do Judiciário logo após entregar o cargo de governadora interina, na quarta-feira (3). Ela ocupou o cargo do Executivo por quatro dias, por causa da licença do vice-governador Otaviano Pivetta (sem partido). 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCaso Isadora: mãe consegue guarda e avô tem até amanhã para devolver a criança
Próximo artigoMotociclista e garupa morrem ao atropelar capivara em rodovia de MT