“Por sorte, o infarto não foi fatal”, diz General Santos Cruz após sair do hospital

O general e candidato ao Senado precisou ser internado depois de ter um infarto em Brasília

General Santos Cruz (Divulgação)

O general Carlos Alberto dos Santos Cruz falou sobre a gravidade do infarto que sofreu. O general precisou ser internado devido ao problema cardíaco que teve há cerca de duas semanas.

Em entrevista publicada no Estadão, o general afirmou que poderia ter morrido se não tivesse ido ao hospital após sentir um mal-estar. Na ocasião, ele estava em seu sítio, em Brasília.

“Eu não morri porque estava no hospital. Senti um mal-estar naquela manhã e resolvi ver o que era”, afirmou Santos Cruz.

O general agora se recupera em casa após ter ficado alguns dias internado no hospital militar.

Problema mais grave que o esperado

Ainda de acordo com o general, ao chegar ao hospital, percebeu que o problema era mais grave que o esperado.

“Eu estava com três entupimentos. Dois do lado esquerdo e um do lado direito. Cem por cento. Por sorte, minha condição de atleta ajudou a dilatar outras vias e o infarto não foi fatal. Fiz ainda outra operação na sexta-feira [20 de maio] e agora estou bem.”

Ainda na disputa

Apesar do problema cardíaco, o militar afirmou que pretende continuar na disputa ao Senado ou talvez ainda à Presidência da República, caso o Podemos veja a necessidade disso.

“A política está um caos. É preciso dar uma nova chance ao país. E, quem o povo escolher, assume”, afirmou.

LEIA TAMBÉM

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorBrasil tem primeira suspeita de varíola do macaco
Próximo artigoJon Favreau já escreve a 4ª temporada de The Mandalorian