Por não aceitar separação, mulher vai ao cemitério para agredir ex-marido

Ela usou um pedaço de pau e tijolos para agredi-lo

Um homem de 54 anos denunciou a ex-mulher, de 48, nessa quinta-feira (16) de agredi-lo por não aceitar a separação dos dois.

Segundo o homem, a ex-mulher o procurou em seu local de trabalho, um cemitério de Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá), e começou a discutir com ele.

Em meio à discussão, ela começou a agredi-lo – na cabeça, nas costas e nos braços – com um pedaço de pau e tijolos.

O homem precisou ser socorrido pelo genro e a suspeita ficou no portão do cemitério, esperando ele sair.

Enquanto aguardava o ex-marido, ela ainda quebrou e amassou o tanque, o retrovisor e o farol da motocicleta dele.

O homem procurou a polícia e denunciou a mulher por lesão corporal.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorA quimera da vacina
Próximo artigoCinco pessoas tratam a covid-19 com plasma em Cuiabá e resultados são positivos