Policial militar tenta matar a ex-mulher a tiros e foge levando bebê do casal

Vítima levou dois tiros nas costas e um no braço

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Um terceiro sargento da Polícia Militar de Mato Grosso tentou matar a ex-mulher, de 31 anos, na noite dessa quarta-feira (11) e ainda fugiu com o filho do casal.

O caso aconteceu na Rua 3 do Bairro Celestino Henrique, em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá), por volta das 20h20.

A Polícia Militar foi acionada por testemunhas e, quando a equipe chegou ao local, já encontrou a vítima, Roseli Gomes de Assis, caída no chão, ferida por tiros.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e a encaminhou, consciente, para o Pronto-Socorro de Várzea Grande.

Testemunhas contaram aos policiais que o suspeito era o 3º sargento da PM Ronaldo Henrique Neves de Amorim, que atualmente está lotado na Academia de Polícia Militar Costa Verde, e é ex-marido da vítima.

Ele teria ido até a casa da ex para tentar reatar o relacionamento, mas ela não aceitou a volta e ele atirou cerca de três vezes contra ela.

Um dos tiros acertou o braço esquerdo da vítima, outros dois as costas. Após o crime, o policial pegou o filho do casal, um bebê de colo, e fugiu.

Os militares que atenderam a ocorrência recolheram duas cápsulas deflagradas calibre 40 no local e um projétil.

O caso foi registrado como tentativa de feminicídio. A mulher segue internada.

Em nota, a Corregedoria Polícia Militar informou que, até o momento, o policial ainda não foi localizado e que a equipes da PM estão em diligência em busca do militar. Um procedimento investigatório e disciplinar já foi instaurado para apurar o caso.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorOs impeachments de Medeiros
Próximo artigoPetista que estuprou cadela é encontrado morto em Goiás