Polícia Civil localiza propriedade rural onde onças-pintadas teriam sido mortas

Vídeo circulava pelas redes sociais; delegado confirmou que o crime foi recente, ocorreu há aproximadamente cinco ou seis dias

(Foto: Reprodução)

A Polícia Civil de Mato Grosso localizou nesta quarta-feira (13) a propriedade rural, no município de Cocalinho (923 km a Leste de Cuiabá), em que foi realizada a matança de três onças-pintadas.

As imagens dos animais mortos foram divulgadas em diferentes redes sociais e comoveram internautas. 

A propriedade rural é de difícil acesso e fica a aproximadamente 150 quilômetros da região central de Cocalinho. No local, a equipe da Polícia Civil encontrou a caminhonete que aparece no vídeo, confirmando se tratar da propriedade onde ocorreu o crime ambiental.

Os policiais foram recebidos por um caseiro que chegou a fazenda há cerca de quatro dias, a pedido do proprietário. O homem alegou que o imóvel estava vazio.

Questionado, o funcionário disse que ficou sabendo do vídeo em que as onças aparecem mortas somente depois que chegou na fazenda.

O delegado Valmon Pereira da Silva explica que o crime ambiental ocorreu há aproximadamente cinco ou seis dias.

“Os três suspeitos envolvidos na morte e na divulgação das imagens dos animais fugiram, porém, o dono da fazenda já foi identificado e será ouvido”, disse o delegado.

A Polícia Civil continua as diligências em buscas dos suspeitos da morte dos animais. Eles  responderão por crime ambiental contra a fauna, previsto no artigo 29 da lei 9605/98.

Após confecção de relatório, a documentação será encaminhada para os órgãos ambientais, com objetivo de apurar o crime por parte dos suspeitos e também do proprietário, assim como a adoção de medidas administrativas cabíveis.

(Com Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPor 25 dias, Itaipava vai levar música e espetinho gratuito a bares de Cuiabá
Próximo artigoAvanço digital exige nova estratégia de marketing para o agro

O LIVRE ADS