Polícia Civil apreende mais de 700 kg de drogas que abasteceriam o tráfico em MT

A droga traficada tinha Cuiabá como destino final e seria usada para abastecer os pontos de droga da região metropolitana

A Polícia Civil, com apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), apreendeu na tarde desta terça-feira (24) mais de 550 tabletes de maconha, que estavam sendo transportados em um veículo pela BR-163, em direção à Cuiabá.

Além do entorpecente, também foram apreendidos 55 pacotes de Skunk, uma variação de droga, conhecida popularmente como “supermaconha” que tem efeito mais nocivo. Segundo as informações, os entorpecentes são originados de Mato Grosso do Sul. A apreensão foi feita pela Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE) da Polícia Judiciária Civil, e PRF de Cuiabá.

Conforme as investigações, a droga traficada tinha Cuiabá como destino final e seria usada para abastecer os pontos de droga da região metropolitana. Ao todo foram 552 tabletes de maconha e mais os 55 pacotes de Skank. Segundo um levantamento inicial, a carga apreendida tem pouco mais de 700 kg e é avaliada em R$ 1 milhão.

Repressão a entorpecentes

[featured_paragraph]“Em razão do fortalecimento das investigações, na região metropolitana, o trabalho da DRE tem sido realizado especialmente em duas frentes, no combate ao tráfico doméstico (com a desarticulação das bocas de fumo) e também na identificação de grandes fornecedores”, destacou o condutor dos trabalhos Delegado Marcelo Miranda Muniz.[/featured_paragraph]

O delegado titular da DRE, Vitor Hugo Bruzulato pontuou a repercussão social da repressão ao tráfico de drogas. “O tráfico de drogas é o crime principal que alimenta os demais, com destaque para os delitos patrimoniais e também os crimes contra a pessoa (como homicídios, por exemplo). Em razão dessa potencialidade lesiva à sociedade é tão necessário e urgente realizar um combate técnico, firme e comprometido contra essa ação criminosa”.

“Para o este segundo semestre serão intensificadas as ações de repressão ao tráfico de drogas, bem como a identificação e prisão dos responsáveis por abastecer pontos de drogas, especialmente com maconha, Skunk e pasta base de cocaína”, finalizou.

Denúncia

A Polícia Civil disponibiliza um canal direto para denúncias referentes a tráfico de drogas. Pelo telefone (65) 9.99989-0071 e e-mail [email protected] é possível repassar informações à DRE que possam auxiliar os trabalhos de investigação. O sigilo é absoluto.

Foto: Divulgação

 

Com informações da assessoria

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAdriano Gianturco fará palestra gratuita em Cuiabá
Próximo artigoJustiça dá 24 horas para o Governo do Estado retirar placas institucionais