Prefeito adia viagem e vai à posse de MM

Pinheiro disse que obedeceu à "liturgia do cargo"

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), que não apoiou a candidatura do agora governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM), marcou presença na sessão solene que empossou o democrata como chefe do Executivo Estadual, realizada na Assembleia Legislativa nesta terça-feira (1º).

Havia rumores de que ele não participaria da cerimônia, pois já tinha viagem de recesso marcada. Ele, contudo, disse que a viagem havia sido programada por sua mulher antes das eleições gerais de 2018. Ou seja, antes de saber quem seria eleito o novo governador do Estado.

Pinheiro disse que, pelo fato de ser prefeito da capital mato-grossense, não poderia deixar de estar na cerimônia de posse do novo governador. “É o nosso governador, o meu governador e não poderia deixar de estar aqui, em nome de Cuiabá, para desejar sorte e sucesso”.

Ele citou o ex-presidente da República José Sarney para justificar a importância dele, como prefeito, prestigiar a posse do governador Mauro Mendes. “José Sarney chama de liturgia do cargo. O cargo que eu ocupo é muito nobre, muito honroso e eu tenho que estar prestigiando os grandes momentos da minha cidade e do meu Estado”.

O prefeito, inclusive, disse que está à disposição do novo governador. Ele frisou que, passada a eleição, é hora de dar continuidade às ações que favorecem o Estado, bem como Cuiabá. “Tenho certeza que todos esses problemas vão ser superados e questões menores não vão sobrepor a excelente relação necessária entre o governador do Estado e o prefeito da capital”.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.