PF prende acusados de transportar drogas presas ao corpo via aeroportos

Segundo a instituição, esta modalidade de crime vem aumentando nos últimos anos

A Polícia Federal cumpriu 2 (dois) mandados de prisão preventiva, expedidos pela 3ª Vara Criminal de Várzea Grande-MT, na sexta-feira (13), nas cidades de Cuiabá-MT e São José de Ribamar-MA.

Os mandados foram expedidos no âmbito da Operação Camada que investiga uma associação de pessoas voltadas ao tráfico de cocaína por meio do Aeroporto Internacional de Cuiabá – Marechal Rondon.

Na primeira fase da Operação foi cumprido mandado de busca e apreensão na região de Várzea Grande-MT, de modo que foi possível verificar que os criminosos enviavam a droga, para os estados do Espírito Santo e Maranhão, presa junto ao corpo e tentavam ocultar parte do seu nome na compra das passagens.

A operação tem como objetivo prevenir e reprimir o tráfico de drogas por meio do aeroporto, uma vez que o uso deste modal tem aumentado significativamente.
As penas dos crimes investigados podem resultar em uma pena total de 25 anos de reclusão.

As investigações e investidas contra o tráfico de drogas continuam, com especial atenção à prisão das lideranças e descapitalização de organizações criminosas.

(Com informações da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPacientes do Hospital São Benedito foram transferidos para o antigo PS e Santa Casa
Próximo artigoPressão por Neri Geller