Petista que estuprou cadela é encontrado morto em Goiás

Sandoval Leão teria se enforcado após a repercussão negativa do caso que chocou o país

O candidato a vereador de Caldas Novas (GO) pelo PT, que apareceu em um vídeo estuprando uma cadela na cidade, chegou ao fim. Sandoval Leão (PT) foi encontrado morto enforcado em uma árvore no último sábado (7), mas o caso só foi divulgado no fim desta quarta-feira (12). A polícia trabalha com a hipótese de suicídio.

De acordo com a Polícia Militar (PM) de Araguari, Sandoval Leão estava foragido desde que o dono do imóvel que ele alugava divulgou um vídeo em que Sandoval aparece estuprando a cadela conhecida pelo nome de Branquinha.

O caso gerou grande revolta nas redes sociais e internautas subiram hashtags pedindo “Justiça por Branquinha”..

Junto ao corpo do petista a polícia encontrou uma carta suicida. No bilhete, Sandoval pede desculpas para os amigos, para a filha e para o ex-presidente Lula.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPolicial militar tenta matar a ex-mulher a tiros e foge levando bebê do casal
Próximo artigoFraude nas eleições