Para não ser preso, homem tenta se passar pelo irmão colando foto sua em documento dele

Contra o suspeito havia um mandado de prisão definitiva por homicídio com condenação de 12 anos de reclusão

Um homem de 46 anos teve um mandado de prisão cumprido e foi autuado em flagrante por uso de documento falso, nessa terça-feira (23), em Peixoto de Azevedo (670 km de Cuiabá), após tentar se passar pelo irmão colando uma foto sua no documento de identidade do familiar ao ser apresentar na delegacia ao ser detido por ameaça e vias de fato.

O caso começou quando a Polícia Militar atendeu uma ocorrência de desentendimento entre familiares, em uma residência no Bairro Liberdade. Devido à confusão, o suspeito foi conduzido à Delegacia de Peixoto de Azevedo acusado de ameaçar familiares durante uma briga.

Um dos investigadores desconfiou da identificação apresentada pelo suspeito, pois ele já havia sido preso em ocasião anterior na unidade policial, e buscou a real identidade.

Durante a checagem foi constatado um mandado de prisão definitiva expedido pela Comarca de Dois Vizinhos, no estado do Paraná. O procurado estava com decreto de prisão expedido desde 2011 e condenado a 12 anos de reclusão por homicídio.

Depois da formalização do mandado judicial, ele foi encaminhado à unidade prisional de Peixoto de Azevedo.

(Com Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui