Para Maggi, país está na iminência de um grave conflito social

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi (PP), defende que o movimento dos caminhoneiros seja suspenso por 15 dias para reabastecimento do mercado

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi (PP), acredita que o país está na iminência de um grave conflito social e defende que o movimento dos caminhoneiros seja suspenso por 15 dias para reabastecimento do mercado.  “A economia brasileira está sendo asfixiada”.

Conforme o ministro, as coisas estão fora de controle para agricultura e pecuária. “Bilhões de aves e suínos estão ameaçados de morte por falta de alimento. Navios esperando para embarcar mercadorias para a exportação. O Ministério da Agricultura está participando do comitê de crise, tenho ouvido todos os lados e todos têm razão. Daí vem a necessidade de uma trégua e de diálogo contínuo sem radicalização”, declarou.

Ainda segundo Maggi, o problema é econômico e político ao mesmo tempo, mas a saída está na política, que necessita de tempo para solução. Ele reconheceu que o governo está estudando uma forma para atender a nova pauta de reivindicações enviada por lideranças do movimento, mas não sabe como finalizar a negociação.

“Penso que o bom senso deve prevalecer e o movimento deve ser suspenso até que o mercado seja reabastecido, hospitais tenham insumos, mercados, fábricas de ração”, ponderou o ministro.

A greve

No último domingo (27) o Governo Federal cedeu às reivindicações dos caminhoneiros, no entanto, o fim da greve, que já dura 8 dias, ainda é incerto. Em virtude do desabastecimento que atingiu inúmeros municípios de Mato Grosso, foi decretado ponto facultativo na maioria dos órgãos públicos e escolas nesta segunda-feira (28). O transporte coletivo em Cuiabá e Várzea Grande continua operando com metade da frota.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSem dinheiro, caminhoneiros sobrevivem de doação para manter greve
Próximo artigoCampanha de vacinação contra gripe termina na sexta-feira

O LIVRE ADS