Para esconder caso com cunhada, homem a mata a pauladas

Mulher de seu irmão, jovem ameaçou contar a todos sobre o relacionamento dos dois

Ilustrativa/Pixabay
Foi elucidado o caso de desaparecimento de Ana Paula Bugari, 28 anos. No sábado (29.06), ela saiu do sítio dos pais do marido e desde então, não havia sido localizada. O corpo da jovem foi encontrado na tarde desta segunda-feira (01.07), na zona rural, em uma região de mata fechada no município de Juína (735 km de Cuiabá).

O cunhado dela, irmão de seu marido, Edimar Mendes Bugari, 32, foi preso em flagrante por crime de feminicídio.

Denúncias feitas à Polícia Civil já alertavam sobre a possibilidade dele ser o autor do crime. Ao ser pressionado o homem afirmou que ambos mantinham um relacionamento amoroso há cerca de dois anos e que, ela teria ameaçado contar sobre a relação dois dois, para outras pessoas. Foi então, que ele a matou.

No sábado, ele combinou de encontrá-la às 7h. Depois, seguiram para outro local, onde mantiveram relação sexual. Foi logo depois que ela ameaçou a exemplo, contar ao marido, irmão de Edimar.

Temendo pela revelação do segredo, o acusado disse à polícia que pegou um pedaço de madeira e desferiu três golpes na cabeça da vítima. Relato é verossímil, já que a família falou que ele retornou ao sítio por volta das 10h, molhado.

O suspeito está na Delegacia para os trâmites policiais do auto de prisão em flagrante.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorLive-action de Sandman pode finalmente ‘sair do limbo’ e virar série na Netflix
Próximo artigoFeira de ecoturismo expõe potencial da região amazônica

O LIVRE ADS