Pandemia na noite: fiscalização impede abertura de bares, mas deixa passar aglomerações

Prefeitura nega que esteja ocorrendo "dois pesos e duas medidas" durante fiscalização de bares de Cuiabá, mas vídeos mostram o contrário

Quinta-feira (8). Bares e pubs de Cuiabá passam por fiscalização quanto ao cumprimento do atual decreto da Prefeitura de Cuiabá para controle da pandemia de coronavírus.

O LIVRE recebeu vários vídeos da fiscalização realizada na noite da quinta-feira (8). Estranhamente, porém, no mesmo dia e horário, alguns locais eram notificados antes mesmo de serem abertos por possível aglomeração e outros mantinham festa até de madrugada com grande aglomeração (veja vídeos abaixo).

Da mesma forma, houve também um local fechado, enquanto ao lado, outro, com música ao vivo, era mantido aberto.

Denúncia

No Bairro Verdão, em Cuiabá, um Food Park foi esvaziado e todos os restaurantes foram proibidos de abrir nessa quinta-feira (8) – como mostra o vídeo abaixo.

Um bar situado ao lado, porém, com música ao vivo e com muitas pessoas, continuou aberto, livre de fiscalização.

Ainda na quinta-feira, um pub localizado na Avenida Miguel Sutil, no Bairro Santa Rosa, em Cuiabá, foi notificado antes da abertura. No mesmo dia, porém, um bar localizado na Praça Popular, no Bairro Popular, ficou aberto com aglomeração até de madrugada. O decreto, no entanto, prevê o fechamento dos bares e restaurantes às 23 horas.

O caso que mais chamou atenção, porém, foi o de uma casa de festas na Rua 24 de Outubro, no Centro Norte de Cuiabá. Na quinta-feira (8) a boate ficou aberta ao menos até 1 hora da manhã, com grande aglomeração e todo o público sem máscaras de proteção. Veja os vídeos:

Decreto

No decreto da Prefeitura de Cuiabá que está em vigor atualmente consta que os bares e restaurantes podem funcionar de segunda-feira a domingo, inclusive feriados, das 11h às 23 horas.

Contudo, é obrigatória a redução das mesas e cadeiras para 50% da capacidade total, mantendo distanciamento de 1,5 metro e reduzindo, assim, o número de pessoas no local. Está obrigatória, também, a adoção de medidas necessárias de higienização para uso de banheiros químicos.

Foi permitida a instalação de equipamentos de entretenimento, como brinquedos infantis, desde que apenas uma criança utilize por vez e o equipamento seja higienizado após utilização. As crianças acima de dois anos também precisam usar máscaras.

Outro ponto que tem sido cobrado dos proprietários de bares e restaurantes é que, para apresentações de música ao vivo, apenas dois músicos se apresentem nos palcos por vez.

O que disse a prefeitura?

Em nota, a Prefeitura de Cuiabá, por meio da Secretaria de Ordem Pública, negou que esteja ocorrendo “dois pesos e duas medidas” nos bares da Capital e afirmou que a fiscalização está sendo efetiva.

“Esses estabelecimentos foram fechados e autuados por descumprimento das normas, como por exemplo, aglomerações de pessoas. Foram constatadas as ocorrências para serem feitas as devidas autuações”, diz trecho da nota.

De fato, no sábado (10), um dia após a reportagem procurar a assessoria da Prefeitura de Cuiabá, a casa de festas no Centro Norte da Capital, em que a aglomeração foi flagrada, foi autuada e fechada.

A prefeitura afirmou, ainda, que existem determinações que foram baixadas por meio de decretos municipais desde o início da adoção de medidas de enfrentamento ao novo coronavírus pela Prefeitura de Cuiabá.

“Dentre as ações voltadas aos estabelecimentos comerciais, como bares, restaurantes e distribuidoras, está o toque de recolher, que compreende o período entre meia-noite e cinco horas da manhã . Nesse intervalo de tempo, devem permanecer todos fechados”.

“É bem provável que esses estabelecimentos descumpriram as normas na ausência da fiscalização, por isso que estamos intensificando os trabalhos para que todos, indistintamente, se atentem para o cumprimento das normas de proteção contra a disseminação da Covid-19”, afirmou a Prefeitura de Cuiabá em nota.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCirurgias eletivas em Cuiabá
Próximo artigoCinco dias de punição