Pandemia e o “Mandrake”

Emanuel Pinheiro disse que tinha "cantado a bola" - por experiência própria - sobre a redução do horário de funcionamento de supermercados

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro disse que o comitê municipal de enfrentamento à covid-19 está à disposição do Governo de Mato Grosso para consulta sobre medidas mais adequadas para lidar com a pandemia. 

Em entrevista coletiva na manhã desta segunda-feira (8), Emanuel voltou a criticar o decreto do governo impondo restrições no horário de funcionamento do comércio e citou especificamente o caso dos supermercados. 

“Não precisa ser ‘Mandrake‘ para saber que ia dar naquilo”, afirmou, em referência a filas e aglomeração em lojas da Capital.

O governador Mauro Mendes (DEM) inicialmente determinou que supermercados funcionassem até às 19h, nos dias de semana, e até ao meio dia, sábados e domingos. Mas acabou flexibilizando o horário. Agora, empresas do ramo podem funcionar o dia todo aos finais de semana.  

O deslize foi encarado pelo prefeito como inexperiência. Emanuel Pinheiro lembrou que, na primeira onda da pandemia, ele próprio tomou medidas semelhantes e percebeu que não deram certo. Disse que depois, dialogou com representantes do setor para chegar a um modelo de funcionamento que gerasse menos aglomeração de clientes. 

“Eu já tinha cantado a pedra de que esse horário reduzido não daria certo. Eu coloco o comitê à disposição do governo para conversar, para mostrar as medidas corretas”, completou. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorFeminicídio na pandemia: 74% das vítimas em MT morreram dentro de casa
Próximo artigoTJ decide que aumento para professores de MT é inconstitucional