Pai ataca filho com machadinha e fura dutos de gás de apartamento em Cuiabá

Homem estava em surto psicótico e precisou ser internado

Foto: Reprodução

Um homem de 53 anos teve um surto psicótico na noite dessa quarta-feira (17) e atacou o próprio filho, de 33, deixando-o com quatro perfurações pelo corpo.

O caso aconteceu em um apartamento no Bairro Jardim Eldorado, em Cuiabá, por volta das 20 horas.

A Polícia Militar foi acionada logo após o ocorrido e chegou rapidamente. Além de atacar o filho, o homem cortou os dutos de gás do prédio, colocando todos os moradores em risco.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também foi acionado, mas o rapaz ferido já havia sido levado por familiares para o hospital. Ele teve dois ferimentos em uma perna, um na outra e outro na barriga, causados pelo pai com um canivete e uma machadinha.

Os policiais acionaram reforços, isolaram o apartamento – o homem havia se trancado no lado de dentro – e retiraram todos os vizinhos do prédio, diante do risco de explosão.

Sob comando do Corpo de Bombeiros, funcionários do prédio cessaram a distribuição de gás para reduzir o risco.

Uma equipe do Bope chegou e foi a responsável por entrar no apartamento e imobilizar e prender o homem, que precisou ser algemado.

O Samu, então, prestou os primeiros-socorros a ele e também o levou para o mesmo hospital onde estava seu filho. A princípio, a unidade não o recebeu, devido a lotação e falta de equipe psiquiátrica.

Ele foi levado, então, para a Policlínica do Verdão, mas depois foi transferido para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do primeiro hospital. Ele segue sedado e o neurologista responsável disse que ele deverá ficar internado por, pelo menos, mais três dias.

O filho precisou passar por cirurgia devido aos ferimentos e também ficará internado.

O canivete e a machadinha utilizados pelo homem foram apreendidos. Além disso, os policiais apreenderam R$ 6 mil que estavam com ele foram entregues à filha, ainda no apartamento.

O caso foi registrado como tentativa de homicídio doloso, desobediência e resistência.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorConsumidora consegue indenização após atraso de 6 meses em entrega
Próximo artigo20 mil processos para reciclagem